fbpx

Bater meta: 3 erros que todo gestor de farmácia nunca deve cometer ao delegar metas aos colaboradores

Sem tempo para ler o artigo: Bater meta: 3 erros que todo gestor de farmácia nunca deve cometer ao delegar metas aos colaboradores?

Dê play e escute agora mesmo!

Bater meta costuma ser um problema na sua farmácia? Antes de qualquer julgamento acerca da capacidade dos seus colaboradores em atingir os números esperados, é importante fazer uma melhor análise do modo como você está propondo as metas.

Talvez sua metodologia não esteja ajustada para a realidade do seu negócio. Além disso existem muitos outros fatores que devem ser considerados antes mesmo de apresentar uma meta para a equipe.

No artigo dessa semana levantamos os 3 principais erros que os gestores de farmácia costumam cometer ao delegar metas para os seus colaboradores. Continue a leitura para saber quais são eles.

>> Recomendado para você:

Balcão de Farmácia: 4 ferramentas realmente úteis para você usar na hora da venda

Veja como você faz para ter uma boa gestão de estoque na sua farmácia

Você sabe como cobrar cliente inadimplente? Veja como usar 5 técnicas avançadas!

24-formulario-ebook-guia-do-sngpc

#1 Coloque metas inteligentes para sua equipe

O que é uma meta inteligente?

A meta inteligente é aquela Específica:

Você reuniu toda sua equipe e propôs a seguinte meta: “A farmácia deve ser a melhor do mercado!”. Observe que essa meta é muito ampla:

  • A meta é ser a melhor farmácia do mercado que oferece preço baixo?
  • A meta é ser a melhor farmácia que proporciona assistência farmacêutica do mercado?
  • A farmácia deve ser a melhor do mercado regional, estadual ou nacional?

Agora uma meta específica é inteligente, pois é fácil e clara de ser entendida por todos da equipe:

“A farmácia dever ser a melhor opção de preço baixo para o consumidor do mercado de varejo farmacêutico na região de Jales”. 

Uma meta inteligente deve ser Mensurável:

Você define como meta a farmácia ter um crescimento de 20% nas vendas no ano em relação ao ano anterior. Veja que você consegue medir se a meta foi alcançada ao não. Através do sistema da farmácia você é capaz de extrair as quantidades de vendas de produtos e os totais de faturamento em cada ano e comparar os resultados.

Uma meta inteligente deve ser Atingível:

Ao chamar todos para uma reunião você coloca uma meta de ser a farmácia líder do mercado regional em faturamento de vendas no final do ano corrente. Como você quer que os seus colocadores “comprem” essa ideia se todos sabem que seu concorrente, atual líder do segmento possui 10 filiais e você está na primeira?

Ou seja, todos sabem que essa meta jamais será atingível nesse espaço de tempo. E caso seus colaboradores não saibam disso, a frustração será pior quando chegar ao final do ano sem atingir a meta proposta.  

Uma meta inteligente deve ser Relevante:

A meta precisa cativar a equipe e fazer com que todos estejam entusiasmos a conseguir alcançá-la. Se no ano anterior você colocou uma meta de crescimento em 20% nas vendas, e ela foi atingida, não será muito desafiador para os colaboradores se você colocar uma meta de crescimento de 21% para o novo ano.

Mas também não vai funcionar se você colocar uma meta de 50%, lembre-se a meta deve ser também atingível. Pondere a situação e projete as porcentagens aceitáveis que vão desafiar seus colaboradores e fazer com eles não entrem numa zona de conforto.

Uma meta inteligente deve ter Tempo

Retornemos para o exemplo anterior, sendo a meta da farmácia tornar-se líder do mercado regional em faturamento de vendas no final do ano corrente. Essa meta pode não estar sendo possível de ser atingida pelo tempo ser insuficiente. Agora se você ajustar essa variável a meta pode se tornar atingível. Então a nova meta com o tempo certo pode ser alcançada: Torna-se a farmácia líder do mercado regional em faturamento de vendas em 5 anos.

Ebook Checklist organizar farmacia - Bater meta: 3 erros que todo gestor de farmácia nunca deve cometer ao delegar metas aos colaboradores

Em suma: toda meta da sua farmácia deve ser SMART (Specific, Measurable, Attainable, Relevant and Time), isto é, Inteligente. 

#2 Não tenha medo de delegar tarefas

Você dono de farmácia ou empresário, vive reclamando do tempo que gostaria de ter com sua família? Gostaria de mais momentos de lazer? Viagens, desfrutar daquilo que construiu? Isso não acontece pois você provavelmente concentra a maioria das atividades da sua farmácia em você.

  • Os motivos que levam os donos de negócios a centralizar o poder são:
  • Não saber transmitir aos colaboradores a forma com que deseja que seja executada a tarefa;
  • Não admitir que existem outras pessoas de maior capacidade para a tarefa;
  • Insegurança ao empoderar a equipe para tarefas de alta complexidade;
  • Negar-se a fazer investimentos em novas contratações;
  • Alimentar o seu ego pelo crédito recebido pela realização de determinada tarefa.

Esses são só os principais motivos, podemos elencar inúmeros outros. Você se identificou com algum? Supere a barreira que está limitando você delegar funções na sua farmácia. O seu tempo deve ser mais bem aproveitado para estudos de mercado, planejamentos e tarefas gerenciais.

Não cometa o erro de ficar no operacional. Mas se você quer verdadeiramente isso, então busque por uma pessoa qualificada para gerenciar o seu negócio e lhe atribua poder necessário para delegar tarefas, inclusive para você mesmo.

#3 Palavras grávidas: não deixe seus colaboradores em dúvida!

Quando você precisa delegar alguma tarefa aos seus subordinados, você é claro naquilo que fala? Veja, uma coisa é você entender o que precisa ser feito, outra coisa completamente distinta é a forma com que você transmite essa informação.

Muitas vezes ao dar uma instrução não deixamos claro o que queremos que seja feito. Usar um vocabulário muito rebuscado só para alimentar o seu ego e demonstrar o status do seu cargo não vai te trazer resultados. Longe disso. Daí surgem as Palavras Grávidas. Elas nada mais são do que palavras que podem assumir vários significados na cabeça dos colaboradores, isto é, dar a luz a vários sentidos.

Veja esse exemplo:

Você chega para sua equipe e ordena que o atendimento da farmácia deve ser feito com mais qualidade.

Note que essa palavra é muito ampla e pode assumir muitos significados:

Webinario Assuma o controle do crediario - Bater meta: 3 erros que todo gestor de farmácia nunca deve cometer ao delegar metas aos colaboradores
  • O balconista pode entender que você quer que seja dada mais atenção aos clientes, através de mais conversa no balcão;
  • Já o farmacêutico interpreta que você quer que ele ofereça serviços de assistência farmacêutica para humanizar o atendimento;
  • O operador de caixa entende que não é necessário ser tão “robótico” na passagem dos produtos e precisa dar mais atenção aos clientes.

O resultado disso tudo?

As filas aumentam no caixa, o farmacêutico transforma a farmácia num ambulatório e o balconista fica o tempo todo papeando com os clientes no balcão.

E na verdade o que você queria o tempo todo era apenas que sua equipe prestasse um bom atendimento para os clientes saírem ainda mais satisfeitas da farmácia.

Para que esse tipo de ruído não venha acontecer, jamais seja genérico em suas explicações. Especifique o quanto você puder. Se possível dê exemplos e faça analogias de fácil entendimento. Certifique-se que sua linguagem é adequada para o nível dos seus colaboradores, e que eles compreendem o que você quer que seja feito.

Apesar das metas serem determinantes para o sucesso da sua farmácia, elas necessitam de instrumentos de acompanhamento para que possa ser ajustada as estratégias quando os resultados parciais não forem os esperados. Não é só de pessoas qualificadas e metas bem definidas que você precisa dentro da sua farmácia.

Você precisa de sistemas de automação de gestão que lhe proporcionam condições adequadas de mensuração e projeção de resultados. Preencha o formulário nessa página e fale agora mesmo com um especialista para conhecer nossas soluções para sua farmácia.

Quer mais conteúdo que vai te ajudar a melhorar o desempenho da sua farmácia? Se inscreva no nosso Canal do YouTube e siga nossa página do Facebook!

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: