5 passos de como montar fachada de farmácia moderna que atrai clientes

Você se preocupa com a fachada de farmácia? Pois saiba que você deveria prestar mais atenção na porta de entrada do seu estabelecimento farmacêutico. Focar somente “do lado de dentro” sem pensar “no lado de fora” é um erro que pode estar afastando boas oportunidades de vendas!

Isso por que a fachada de farmácia é o que vai despertar a atenção dos consumidores. Só para você ter uma ideia da dimensão que uma fachada de farmácia pode causar nas pessoas, segundo pesquisas do instituto Veronis, Shler & Associados:

83% da atenção humana são capturadas pela visão!

Uma boa fachada tem o “poder” despertar a vontade das pessoas entrarem na farmácia. E esse é o primeiro passo de uma venda. Então para te mostrar os aspectos que fazem a diferença numa fachada de farmácia preparamos um artigo completo, com dicas e técnicas para você modernizar sua fachada. Confira!

Achamos que você também vai gostar de:

» Guia Completo: Listamos todos os passos de como organizar uma farmácia

» Logo de Farmácia: 20 melhores ideias para se destacar da concorrência

» Guia completo: ações promocionais em farmácias para fazer no ano

Afinal, o que é considerado uma fachada?

Muito além do “letreiro” que divulga o nome da farmácia, a fachada é mais do que isso. Todo o entorno que fica na entrada da farmácia e nos seus arredores, é considerado um espaço pertencente a fachada. Por exemplo, numa fachada são considerados:

  • o calçamento e piso do local (por onde as pessoas passam);
  • a porta de entrada e a vitrine da farmácia;
  • a cobertura do local (marquises, toldos, tendas);
  • iluminação externa da farmácia;
  • a divulgação de promoções e informações da farmácia.

Quando todos esses elementos são pensados de forma estratégica, garantem uma harmonização visual que vai de encontro com que a farmácia deseja transmitir aos clientes, além de claro, chamar a atenção das pessoas para entrarem no estabelecimento.

Qual a importância da fachada de farmácia nas vendas?

Podemos fazer um paralelo entre a fachada de farmácia com nossa própria aparência. Você, como empreendedor farmacêutico muito provavelmente tem o zelo pela sua aparência, certo? Penteia o cabelo, escova os dentes, passa perfume, enfim… todo esse cuidado para manter uma aparência condizente para a sociedade.

O mesmo se aplica na fachada de farmácia. Uma aparência descuidada, desleixada, vai ter um impacto profundo em como as pessoas percebem o seu estabelecimento. Ora, se você está passando pela rua e olha para o lado, vai sentir vontade de entrar numa farmácia com uma fachada “abandonada”? Óbvio que não!

Se você não cuida da sua fachada de farmácia, seu concorrente já saiu na sua frente!

Daí a importância de manter uma boa aparência na fachada de farmácia para despertar a atenção das pessoas que passam na rua, e principalmente para fazer a comunicação do que está sendo vendido. Por meio da fachada você comunica a imagem da farmácia, o nome, logotipo e ofertas de produtos.

Ebook - Exposicao de produtos

Afinal, quem nunca ouviu fala daquele velho ditado popular:

“A primeira impressão é a que fica”!

E não é para menos! Pense na quantidade de concorrentes que estão a todo instante tentando fisgar a atenção dos consumidores. Justamente por isso é importante separar um tempo (e recursos) para manter uma boa comunicação visual através da fachada.

5 passos de como fazer uma fachada de farmácia

1. Qual a melhor cor para fachada de farmácia?

Sem dúvida a escolha da cor para a fachada de farmácia faz toda a diferença para chamar a atenção do consumidor. Porém é preciso lembrar que as farmácias e drogarias são estabelecimentos de saúde, portanto devem passar essa imagem, ou seja, a escolha da cor deve refletir o que são esses locais.

Abaixo listamos o que cada cor transmite para a pessoa que está olhando, segundo estudos em psicologia das cores:

  • Amarelo – transmite otimismo e jovialidade, desperta a atenção;
  • Azul – passa a sensação de clareza, calma, autoridade e tranquilidade;
  • Laranja – essa cor pode ser agressiva para alguns, chama muita a atenção, é forte;
  • Vermelho – é associado à urgência, paixão e amor, lembra o coração;
  • Verde – é uma cor que traz sensação de relaxamento, ligado à natureza e saúde;
  • Rosa – transmite delicadeza, é uma cor feminina;
  • Roxo – estimula a criatividade, imaginação, transmite sensação de mistério;
  • Marrom – lembra a terra, madeira e natureza, passa seriedade e sofisticação;
  • Preto – pode ser associado à elegância, sobriedade e poder;
  • Branco – transmite calma, limpeza e pureza.

Como deu para notar, cada cor passa uma certa sensação para as pessoas, por isso sua escolha é muito importante para a fachada de farmácia. Se você quer chamar a atenção dos consumidores, sem dúvida os tons de vermelho, laranja e amarelo podem ser usados.

Fachada de farmácia moderna - escolha das cores
Fachada de farmácia moderna – escolha das cores

É muito comum a fachada de farmácia popular usar a cor vermelha. E não é pra menos, o vermelho chama muita a atenção de quem está passando pela rua. Porém deve tomar cuidado, pois em excesso pode “cansar” a visão das pessoas.

Para farmácias mais tradicionais, as cores verde e azul são amplamente usadas. Essas cores também são as mais usadas em centros de saúde, hospitais e clínicas, por serem calmas e trazerem tranquilidade para o local. São também uma ótima opção para o ambiente interno da loja.

O branco é mais indicado para o interior da farmácia, pois ele amplifica a iluminação do local, deixa uma sensação de limpeza e ainda é capaz de “aumentar a percepção do local”, isto é, a pessoa pensa que está num ambiente muito maior do que realmente está.

2. Qual o tamanho ideal para uma fachada de farmácia moderna?

O tamanho da fachada vai depender muito das dimensões do prédio ou local que a farmácia está localizada. Lembrando que existem metragens específicas para determinados espaços da farmácia, como por exemplo:

  • Sala de aplicação de injetáveis: mínimo de 3m²
  • Local para assistência farmacêutica: mínimo de 6m²
  • Área para dispensação de medicamentos: dimensão mínima de 30m²
  • Sanitário comum: medidas mínimas de 1.1m x 2.3m
  • Sanitário para deficientes: tamanho mínimo de 1.2m x 1.7m
  • Espaço entre corredores: recomendado 90cm

Agora quando nos referimos à fachada de farmácia, as dimensões vão variar, mas o comum é que a fachada ocupe todo o espaço acima da porta de entrada do estabelecimento.

Atenção com a legislação da sua cidade!

Antes de iniciar o projeto de modernização da sua fachada de farmácia procure os órgãos sanitários e também consulte os conselhos de engenharia (CREA), pois podem haver leis orgânicas, isto é, leis que vigoram somente no seu município que dizem respeito a normatização de fachadas.

É muito comum cada região do país tem suas próprias adequações e exigências, e dependendo do local da sua farmácia, você terá que seguir uma padronização. Por isso é sempre válido procurar informações a respeito do plano de urbanização da sua cidade.

3. Qual o material usar na fachada de farmácia?

Normalmente o que notamos na maioria dos estabelecimentos farmacêuticos é que a fachada é o próprio muro e na parede. Apenas com uma pintura é feita a descrição do nome e informações da farmácia, como slogan, logo e telefone. Isso é explicado pelo baixo custo, entretanto o visual não fica muito atraente para o consumidor.

Se você deseja investir um pouco mais, pode fazer um projeto com chapas de metal de alumínio composto (ACM) que são dispostas numa estrutura fixada como se fosse uma espécie de marquise (cobertura saliente que fica sobre a calçada). Nesse caso, a tinta no metal traz um melhor destaque, desde que seja colocado uma iluminação correta com refletores de Led branco.

Fachada de farmácia com chapas de alumínio ACM
Foto: Vick ACM

Também é comum que a fachada seja revestida por azulejos em toda a extensão da parede, e próprio nome da farmácia é pintado sobre esse revestimento. Tem ainda opções que misturam os elementos, a parede de azulejo e logo acima um toldo cobrindo toda a calçada.

Existem ainda farmácias que instalam toldos (uma espécie de cobertura em lona) que podem ser abertos ou fechados. Esse material já vêm impresso o nome e informações da farmácia, porém com o tempo acorre o desgaste natural, em virtude da exposição ao sol. Vale lembrar que em locais comerciais, o toldo não é permitido em alguns locais do Brasil.

Ainda podemos encontrar como fachada de farmácia as faixas de plástico, que são pregadas na frente do estabelecimento. Esse tipo de material é muito usado para propagandas, mas também é aproveitado para fazer fachadas. O custo é bem mais acessível, porém o efeito visual não é muito chamativo.

A escolha do material para a fachada vai depender do quanto você deseja investir, mas em todos eles a manutenção deve ser feita periodicamente. Como esses materiais ficam expostos às intemperes climáticas (sol, chuva, ventos) o desgaste vêm naturalmente. Por isso é importante sempre manter uma aparência “de novo” para passar uma boa impressão para os clientes.

Tipos de materiais para fachada de farmácia

  • pintura direto na alvenaria (muro) – custo baixo
  • chapas de metal de ACM afixadas na marquise – custo alto
  • toldos e cobertura em lona – custo médio
  • faixas tipo banner – custo baixo

Aspectos visuais para destacar a fachada

Como já dissemos ao longo do artigo, a fachada é composta por vários elementos. Então você pode combinar esses elementos para que sua fachada se torne atraente para os consumidores. Uma forma de fazer isso é usar:

  • canteiros de plantas e gramados;
  • escolher materiais mais nobres e bem acabados;
  • usar relevos no nome e logo da farmácia;
  • ter um estacionamento privativo para clientes;
  • local para ciclistas guardarem suas bicicletas;
  • usar objetos decorativos no jardim;
  • sinalização pintada no chão;
  • letreiros luminosos, em neon ou led;
  • usar infláveis para ações promocionais;

São todos aspectos que contribuem para aumentar a atratividade da sua farmácia para os consumidores. Mas tudo isso deve ser planejado antemão com profissionais de arquitetura e engenharia, sempre consultando as normas urbanistas da sua cidade, e claro, adequado o tamanho do projeto para sua realidade financeira.

4. Padronização da fachada de farmácia

Já notou como uma rede de farmácia tem a mesma fachada para cada uma de suas lojas? Isso não é por acaso! A padronização é um ponto fundamental no marketing (isso é uma das ações de branding). Quando o consumidor encontra uma mesma disposição de elementos, cores, tipografia (letra), alinhamento, isso reforça a imagem sobre a marca.

E nesse caso a marca é sua farmácia! Quando mais as características únicas da sua marca estiverem presentes nos consumidores, mas facilmente eles vão lembrar do seu estabelecimento. Por isso você deve criar e manter um padrão, começando pela fachada, passando pelo interior da loja, e até mesmo o uniforme dos colaboradores.

Fachada de farmácia - padronização
Exemplos de fachadas de farmácias

Na prática se você possui outras lojas, a fachada delas devem respeitar um mesmo padrão, isto é, as pessoas devem identificar como sendo sua marca, independente do local que esteja.

5. Quais informações devem ser colocadas na fachada de farmácia?

Uma regra “de ouro” que você pode usar é a seguinte:

Quanto mais texto numa fachada, menos as pessoas vão prestar atenção!

Pense da seguinte forma: O que você precisa saber ao passar na frente de um estabelecimento comercial? Basicamente você procura por:

  • nome do local (nome fantasia, logo);
  • do que se trata (segmento, o que vende);
  • informações de contato (telefone e WhatsApp).

Essas informações já são suficientes. O que vai mesmo chamar a atenção das pessoas é a forma com que essas informações será passada, ou seja, o design. O design vai garantir uma simetria entre as letras, cores adequadas, tamanhos proporcionais, alinhamento e disposição correta das informações. Para tanto, é recomendado você buscar ajuda profissional para criar o design da sua fachada.

Se você tiver uma maior espaço na fachada, pode incluir no projeto mais algumas informações, mas sempre tomando cuidado para evitar a poluição visual, ou seja, o acumulo de informações sem sentido para as pessoas num espaço muito pequeno.

Demais informações que podem ser usadas na fachada de farmácia:

  • e-mail da farmácia;
  • redes sociais (facebook, instagram, pinterest);
  • parcerias com programas de descontos em medicamentos;
  • site da farmácia, para aquelas que possuem e-commerce;
  • diferenciais, como entrega à domicílio.

9 dicas para melhorar a fachada de farmácia

  1. a fachada de farmácia deve ser muito bem limpa;
  2. mantenha uma boa iluminação na fachada de farmácia;
  3. a pintura na fachada não pode estar desbotada ou gasta;
  4. as pessoas devem poder enxergar o que está exposto na farmácia pela fachada;
  5. o nome e logo devem estar bem destacados na fachada de farmácia;
  6. coloque as principais informações da farmácia na fachada (telefone, entrega de medicamentos, farmácia popular; redes sociais e outros serviços oferecidos);
  7. destaque as promoções e ofertas em cartazes, que podem ser fixados logo na fachada de farmácia;
  8. tenha zelo também pelo calçamento da fachada de farmácia, mantenha sempre bem cuidado;
  9. se houver estacionamento na fachada de farmácia, cuide para a sinalização ficar visível;

A fachada de farmácia sozinha não vai garantir o aumento das vendas!

Focar os esforços somente na fachada de farmácia é um erro! Pense comigo: você fez uma ótima fachada de farmácia, as pessoas se sentiram atraídas e entraram na sua loja. E agora? Percebeu que a fachada é só o ponto inicial de todo um trabalho em conjunto. Você deve prestar atenção nos seguintes aspectos em conjunto com a fachada de farmácia:

  • o layout e a jornada de compras devem ser bem planejados;
  • os móveis e a exposição dos produtos devem estar de forma correta;
  • atenção para o sortimento do mix de produtos;
  • oferecer um bom atendimento farmacêutico;
  • os colaboradores da farmácia devem estar bem treinados;
  • o sistema da farmácia deve ser rápido na hora do atendimento;
  • oferecer diferenciais competitivos, como programas de fidelidade;

Esses são só alguns pontos que trabalham em conjunto com a fachada de farmácia moderna, então fique atento nesses detalhes na sua drogaria!

Conclusão

Percebeu a importância de manter uma boa aparência na fachada da sua farmácia? Agora é com você! Faça uma lista das melhorias que podem ser feitas na sua fachada e comece a mudar a visão que as pessoas têm do seu estabelecimento.

Conheça também nossas soluções para farmácias e drogarias, fale agora mesmo com um especialista ou se preferir, chame no WhatsApp!

Para ter mais dicas que vão melhorar os resultados do seu negócio, se inscreva no nosso Canal do YouTube e siga nossas páginas do Facebook e Instagram!

fale agora com o consultor inovafarma
Compartilhar
Compartilhar
Twittar
Pin